+55 69 3341-4235
DPVAT: o seguro do trânsito brasileiro

DPVAT: o seguro do trânsito brasileiro

Você já sabe que o DPVAT, seguro administrado pela Seguradora Líder, tem caráter social e ampara todas as vítimas de acidentes de trânsito em todo o Brasil, não é? Mas você sabia que em dezembro comemoramos 50 anos da regulamentação do seguro? Isso mesmo! 😉

Há meio século, em dezembro de 1967, foi regulamentada a obrigatoriedade do Seguro de Responsabilidade Civil dos Proprietários de Veículos Automotores de Vias Terrestres, hoje conhecido como Seguro DPVAT – Danos Pessoais Causados por Veículos Automotores de Via Terrestre. Desde a assinatura do decreto, o DPVAT passou a ser pago por todos os proprietários de veículos automotores, uma única vez ao ano, junto com o IPVA, ou até o licenciamento, no caso de veículos isentos do imposto.

Hoje em dia, ele representa uma importante fonte de receita para a União e, por aqui, temos muito orgulho disso! \o/ Do total arrecadado, 45% são repassados diretamente ao Fundo Nacional de Saúde (FNS) e ao Sistema Único de Saúde (SUS), a fim de fazer frente aos custos de procedimentos médico-hospitalares decorrentes da assistência a vítimas de acidentes; e 5% são repassados ao Departamento Nacional de Trânsito (Denatran), para a realização de campanhas e outras iniciativas no âmbito da Política Nacional de Trânsito. Os 50% restantes constituem o montante efetivamente destinado à Seguradora Líder-DPVAT, para o pagamento de indenizações, despesas operacionais e administrativas derivadas da operação do seguro obrigatório.

Como a gente quer que você conheça tudo sobre o Seguro DPVAT, que tal falarmos um pouco sobre as suas coberturas? O Seguro oferece cobertura para ocorrências que resultem em morte, invalidez permanente (total ou parcial) e despesas médico-hospitalares decorrentes de acidentes de trânsito. A indenização é paga em até 30 (trinta) dias após a entrega da documentação completa. O pedido de indenização pode ser realizado gratuitamente em um ponto oficial de atendimento pelo próprio demandante ou seus familiares e você pode fazer tudo sozinho! A proteção é assegurada por um período de até 3 anos a partir da data de registro do acidente. 😉

Vale lembrar que o seguro é oferecido independente de culpa no acidente: se houver uma vítima, ela será beneficiada, por isso, o DPVAT é tão importante. Esse é um instrumento de proteção social que beneficia todos os brasileiros.

Valor do DPVAT fica 35% mais barato em 2018, exceto para motos

Valor do DPVAT fica 35% mais barato em 2018, exceto para motos

Com exceção da categoria de motos, o Seguro de Danos Pessoais Causados por Veículos Automotores em Vias Terrestres (DPVAT) ficará 35% mais barato em 2018. A partir de janeiro, o valor médio do seguro obrigatório pago na categoria 1 – de veículos de passeio –, cairá de R$ 63,69 para aproximadamente R$ 42.

A mudança foi aprovada nesta terça-feira (19) pelo Conselho Nacional de Seguros Privados (CNSP). No ano passado, o DPVAT já havia sofrido uma redução de 37%.

O CNSP também aprovou uma resolução para ajustar o Seguro Popular de Automóveis. Esse seguro, criado em 2016, é voltado para proprietários de carros com mais anos de uso e que muitas vezes não contam com a proteção financeira em caso de acidentes. A modalidade, no entanto, ainda enfrentava resistência por parte das seguradoras.

A pedido das empresas, as mudanças aprovadas nesta terça possibilitam que não haja mais a chamada “livre escolha” por parte do segurado, uma vez que as seguradas agora poderão oferecer apenas uma rede referenciada de oficinas, além do uso de peças compatíveis novas, mas sem a chancela das fábricas.

— Esse produto não concorre com o seguro tradicional, pois atua em um nicho de veículos usados, com mais de três ou quatro anos. Essas seguradoras também poderão usar peças usadas certificadas de acordo com a Lei do Desmanche, quando essas peças estiverem disponíveis — afirmou o superintendente da Superintendência de Seguros Privados (Susep),